K-Drama: Reply 1988/Answer Me 1988 (2015-2016)

reply-1988

Aproveitando o restinho de feriado para atualizar o blog. Esperem uma pausa agora nos posts por motivos de a-faculdade-quer-meu-couro-para-tamborim.

Sou muito perdida nessa vida e só descobri que já tinham lançado a terceira instância dessa série “Reply” agora no começo de janeiro. Na verdade, na semana passada, quando decidi só deus sabe o porquê entrar no DrmaFever para ver as novidades. DramaFever está longe de ser meu site preferido para assistir dramas, mas como eles tinham exclusividade de exibição, estava lá eu com meu balde de pipoca e 20 episódios, o que levou a uma maratona doida que terminou nessa madrugada.

Nessa versão, acompanhamos um grupo de amigos de mesma idade que cresceu junto em uma rua residencial. Os pais e mães são antigos amigos e esses agora adolescentes, que estão começando a descobrir seus sentimentos, passam boa parte dos dias um nas casas dos outros. A única menina é Sung Duk-Sun (Hyeri), a protagonista que narra a história. Nessa versão temos novamente o mistério de quem é o marido da rapariga, que sabemos logo no início estar presente naquele grupo de amigos.

Duk-Sun é a mais pobre do grupo, com sua família morando em um semi-porão e passando por algumas dificuldades para segurar as contas todos os meses. Não fosse a ajuda dos vizinhos, essa vida seria ainda mais difícil. Mais uma vez os pais da protagonista são interpretados por Sung Dong-Il e Lee Il-Hwa, um grande acerto sempre (e os personagens tem os mesmos nomes dos atores, como grande parte do elenco “adulto” e repetindo as outras versões, olha que fofura!). Duk-sun é a filha do meio e tem uma irmã mais velha, Bo-Ra (Ryoo Hye-Young), que já está na universidade e com quem não se dá muito bem, e um irmão mais novo, No-Eul (Choi Sung-Won). Duk-Sun não é muito inteligente nem tem muita força de vontade para estudar, então não tem grandes expectativas quanto ao futuro, precisando confiar mais em sua capacidade de trabalhar.

Vivendo na casa logo em cima do porão dos Sung está a família de Kim Jung-Hwan (Ryoo Joon-Yeol), um membro do grupo de amigos com uma atitude mais blasé e distante. Os Kim ganharam na loteria e vivem de maneira bastante confortável, podendo inclusive bancar o filho mais velho, Kim Jung-Bong (Ahn Jae-Hong) em suas mais de seis tentativas sem sucesso de entrar na universidade. Vale dizer que o pai da família é um dos personagens que participavam do núcleo jovem de Reply 1994 e foi uma baita surpresa encontrá-lo aqui. Kim Jung-Hwan será um dos concorrentes a marido de Duk-Sun.

Quase isolados está um núcleo de pai e filho, Choi Moo-Sung (Ko Gil-Dong) e Taek (Park Bo-Gum). O viúvo se mudou para a vizinhança buscando esquecer um pouco do passado. Taek é calado e tímido e não entende muito das coisas que não se referem ao tabuleiro de baduk (uma espécie de xadrez jogado na Ásia). Taek largou a escola para se dedicar ao baduk, sendo um verdadeiro prodígio, um orgulho nacional. Na vizinhança, entretanto, ele é só o Taek que não sabe de nada, e é no quarto dele que acontecem a maioria das reuniões da tchurma. Taek é o segundo candidato a marido porque apesar das aparências, declara logo no início seu interesse por Duk-Sun aos outros garotos.

Uma outra viúva mora na rua, Kim Sun-Young, com seus dois filhos. Sun-Woo (Ko Gyung-Pyo) e a fofíssima Jin-Joo (Kim Sul). Sun-Woo é aquele filho perfeito, que faz tudo para agradar a mãe e diminuir o peso de suas responsabilidades. Ele é a primeira paixonite de Duk-Sun, mas o que vai acontecer com essa história é bem diferente do esperado e eu não vou contar. :p

O diretor da escola dos garotos também mora na rua e tem um filho parte desse grupo, o engraçado Dong-Ryong (Lee Dong-Hwi), que apesar de não saber quase nada do conteúdo acadêmico, sabe tudo sobre as relações humanas e age como o melhor conselheiro que esse drama conseguiria ter.

Dessa vez (graças a deus!) os erros da segunda versão, que eu tanto critiquei, foram sanados. Aliás, parece até que os roteiristas passaram meu post no google translate e remediaram todos os pontos. A história foi bem conduzida do início ao fim, o mistério tinha um porquê de existir e os personagens envolvidos, todos eles, eram igualmente interessantes. O foco do romance (na verdade, doS romanceS) é um pouco apagado frente à maior valorização em mostrar a dinâmica da vizinhança e, quer saber?, isso foi ótimo. A parte dos pais é tão valorizada quanto a dos filhos e as histórias paralelas são muito boas também, tratando sobre a ajuda mútua desses amigos criando seus filhos e dividindo angústias e felicidades). A família e a união dessa pequena comunidade é o real ponto central da trama.

Quanto ao romance: como eu disse, há mais de uma história sendo contada e, apesar da de Duk-Sun ser a que está mais em foco, as outras também são bonitas. Como não se emocionar com os desencontros e reencontros de Jung-Bong, aquele fofo? E as dificuldades pelas quais Sun-Woo passou até resolver seu crush de mais de 6 anos? Mas o que faz “Reply” é, em grande parte, a história do marido, certo? E dessa vez eles não decepcionaram. As duas opções seriam satisfatórias e eu não consegui embarcar em nenhum ship dessa vez, tão dividida que estava. No final, deixa-se claro que a escolha foi de Duk-Sun e só quando ela decidiu de quem realmente gostava isso foi resolvido. E ela só descobriu isso por uma questão de timing. Se um dos candidatos apresentados tivesse sido mais sincero ou agisse mais rápido do que o outro o final poderia ser diferente, mas não há como saber porque o destino não trabalha com “se” e o personagem que “perdeu” nunca estava na hora certa no lugar certo para sabermos como seria essa outra versão.

De maneira geral, fiquei muito feliz com essa versão. Ainda não supera o “Reply 1997” aqui no meu coraçãozinho, mas chega bem perto. Perto o bastante para virar um favorito e eu estar aqui torcendo por mais versões em outros anos futuros.

R1988-2-4_zpscau1dw04

Advertisements

One thought on “K-Drama: Reply 1988/Answer Me 1988 (2015-2016)

  1. Pingback: Retrospectiva 2016 | Meu Logbook

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s